sábado, 7 de abril de 2012

Apresentação

Estou começando hoje uma nova etapa da minha vida e vim buscar apoio de quem é igual a mim. O post vai ser longo e se tiverem curiosidade leiam, é bem interessante.
Vou começar contando um pouco sobre mim, sou uma mulher de 30 anos que tem que emagrecer a todo custo. Desde criança fui discriminada por ser gorda, fui motivo de xacota pra todos na escola. Sofri muito e ainda sofro por isso, não consigo me aceitar, várias vezes tenho nojo da pessoa que me tornei, uma orca sem noção do ridículo.
Me casei com 15 anos por que estava grávida, no começo foi tudo maravilha, qdo ganhei meu filho no segundo mês de casada fiquei magérrima, foram os melhores dias da minha vida. Mas com o tempo engordei novamente, porque só pra variar a baleia aqui não para de comer um minuto sequer. Acabou que engordei muito, fiquei horrível e ele arrumou uma amante, qdo descobri meu mundo desabou, passei a comer mais ainda o que foi piorando meu estado. Nos separamos por algum tempo e acabamos voltando, como eu já disse sou muito burra mesmo. A mais ou menos uns três anos atrás ele sofreu um acidente de carro depois de muitas traições é claro, nós estávamos separados, apenas morando na mesma casa porque eu não tinha pra onde ir, e tinha acabado de arrumar um emprego e até me firmar teria que continuar ali. No dia do acidente me ligaram de madrugada e eu tive que ir até o hospital, ele estava quase morto, tinha batido a medula e corria o risco de nunca mais andar. E o que me deu mais raiva é que as irmãs dele não quiseram cuidar enquanto ele estava no hospital, ficou tudo em cima de mim, e a cada dia que passava eu descobria mais coisas desagradáveis sobre ele, o que me fez ver que eu nunca o conheci de verdade. Acabei deixando o emprego. Mas o tempo passou e eu acabei cuidando dele, foram algumas cirurgias e com a graça de Deus ele voltou a andar, me prometendo que iria ser um novo homem, o que vem cumprindo nestes três anos.
Minha vida melhorou muito desde então, ele é um marido maravilhoso, mas é claro que o que ele me fez eu nunca esqueci e com certeza nunca vou esquecer, a mágoa é muito grande. As vezes me pego a pensar e a chorar, lembrando do que aconteceu, mas o que importa é daqui por diante, porém não consegui emagrecer, tenho compulsão alimentar  o que faz da minha vida um inferno. Sei que muitos podem achar que é pra me mostrar, pra chamar a atenção, mas não é. Não consigo me controlar, é mais forte do que eu e preciso muito da ajuda de quem sabe o que passo e sinto.
Eu pesava 95 kg e com muita atividade física e uma restrição alimentar, junto com alguns laxantes consegui chegar nos 83 kg, sei que é muito, pois tenho 1,65 de altura, espero que com a ajuda de quem passa por aqui consiga chegar nos meus 48 kgs.
Agradeço desde já a presença e o tempo desperdiçado pra ler o que escrevi aqui.
Muitos beijos amores.

4 comentários:

  1. "Agradeço desde já a presença e o tempo desperdiçado pra ler o que escrevi aqui."
    Tempo desperdiçado? Acho que não...

    Gostei do blog e da postagem, to seguindo ok? Se precisa de ajuda estou aqui ^^

    ResponderExcluir
  2. Continue firme na dieta! FORÇA! Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Flor vc consegue sim!
    se eu acho que EU consigo, imagine se vc não...
    Me identifico com algumas coisas que vc escreveu ;)
    Força para nós.

    To te seguindo
    :*

    ResponderExcluir
  4. Força gata! Estou também nessa luta!! Vamos vencer essa batalha!!! E você já deu o primeiro passo para mudar de vida, agora é lutar diariamente!

    ResponderExcluir

Mensagens que me incentivam.